Being Êrica

5 motivos para organizar sua vida em listas!

24 de agosto de 2017

Organize sua vida em listas

Faz um tempo que eu passei a colecionar diversos caderninhos com as mais variadas listas. Mas, nem sempre fui a pessoa mais organizada. Minha irmã mais velha sempre teve o hábito de fazer listas com as coisas que ela precisava fazer no fim de semana. Eram listas que continham os mais variados itens. Desde “acordar” (eu não tô brincando) até dar banho no cachorro e ler algum livro.

Eu só fui perceber os benefícios das listas anos mais tarde, lendo o blog Morando Sozinha, da Fran Guarnieri. Desde então, é um vício tão grande, que meu apelido virou “Louca das listas”. Listar todas as metas do ano, tudo o que eu preciso fazer antes de viajar ou em um dia específico, tudo o que eu preciso comprar ou qualquer outra lista, me ajudou muito nos últimos anos. Me ajudou a ser uma pessoa mais organizada, manter meus projetos em dia e nunca mais esquecer de fazer nada. Principalmente, na época do trabalho de conclusão de curso (TCC).

Então, se você está precisando muito organizar ideias, fazer várias coisas em um prazo curto ou só quer deixar seus afazeres diários mais organizados, faça listas! Abaixo você encontra uma lista com 5 benefícios de ser um viciado em listas.

  1. Se você tem uma memória de peixe, a solução é criar lista!

Criar uma lista com todas as coisas que precisa fazer sobre algo ou em um determinado intervalo de tempo, fica mais fácil não esquecer nada.  Assim, toda vez que você for conferir sua listinha de afazeres, vai lembrar do que ainda não foi feito.

  1. Controle seus gastos e economize sempre

Se você não anota todos os gastos que tem, pode acabar perdendo o controle sobre o quanto pode gastar. Crie uma lista com seus gastos fixos do mês e vá anotando o que for gastando, tanto no crédito, quanto no débito. Além disso, crie uma com as coisas que você quer e as que você precisa. Na hora de comprar, fica mais fácil avaliar o que é mais necessário no momento. Assim você nunca vai se perder e ainda vai evitar de gastar com coisas que não precisa.

  1. Visualize melhor tudo o que precisa fazer

Às vezes, temos tantas coisas para fazer que nunca sabemos por onde começar. Aí acabamos nos distraindo com celular/redes sociais e adeus afazeres urgentes. Depois todas as demandas estão atrasadas e ficamos ainda mais perdidos. Para não perder o foco, crie uma lista e deixe em um local visível. Sempre que concluir uma tarefa, dê uma olhadinha nas que falta. Assim ninguém se perde!

  1. Ganhe tempo

Quando você sabe tudo o que precisa fazer e já tem uma listinha fácil de visualizar, você ganha tempo. Como? Você foca melhor nas atividades e, às vezes, algumas delas podem ser feitas ao mesmo tempo. Por exemplo, você precisa lavar roupa e arrumar o quarto. Enquanto as roupas estão na máquina, você ganha tempo arrumando o quarto. :3

  1. Felicidade + Realização

Depois que você cria o costume de se organizar em listas, um novo sentimento surge. É uma mistura de felicidade com realização pessoal, de estar cumprindo tudo o que você se propôs a fazer. Aí você acaba se empolgando e não parando nunca mais! (baseado em experiências pessoais)

Você também se organiza em listas? Conta aí nos comentários outros benefícios ou outros métodos para se organizar!

You Might Also Like

3 Comments

  • Reply 5 livros que você precisa ler até o fim do ano | Ré Menor 22 de agosto de 2018 at 18:08

    […] em dizer, ainda dá tempo de aprender e fazer muita coisa. Portanto, sacode a poeira, faça uma lista dos seus projetos e metas. Ponha-os em prática o mais rápido possível. Além disso, aproveite o tempo que ainda resta […]

  • Reply Seis coisas impossíveis - Fiona Wood | Ré Menor 11 de junho de 2018 at 12:09

    […] Chega até a ser meio rude com a mãe em certos momentos. Só que, ao mesmo tempo, ele é um filho incrível. Faz o possível para animá-la, para não dar trabalho e para conseguir um emprego e começar a ajudar no orçamento da casa. O que me deixou com a sensação de que ele era mais velho, a maior parte do livro. Enquanto, ele só tinha 15 anos. Claro que, boa parte do amadurecimento dele veio após a falência do pai. Outra coisa bacana sobre ele: o problema dele com o pai, não tem nada haver com o fato dele ter se assumido gay. Pelo contrário, ele faz de tudo para entender por que o pai demorou tanto para falar sobre isso. O que lhe irrita, é o fato dele ter abandonado a família do nada. Ah, ele tem um costume que eu adoro: fazer listas! […]

  • Reply Agenda física ou digital? com Maki Demingo e Sil Secundo | Ré Menor 7 de junho de 2018 at 17:30

    […] eu sou a louca dos caderninhos e das listas, não é segredo para ninguém, né? Atualmente, eu tenho um planner para compromissos e […]

  • Comente aqui: