Dois Quartos

É quarta-feira de carnaval e ela é de cinzas

26 de fevereiro de 2020

máscara de carnaval pendurada em um fio com árvores ao fundo

É, meu povo. A quarta-feira de cinzas chegou encerrando o carnaval. Essa festa de quatro dias. A festa da carne. Do pecado. Da folia. Mas, e sua ressaca?

E não importa se você se jogou na maldade ou se você hibernou. Esse feriado te afetou de qualquer forma. De boas ou de más maneiras. Seja se divertindo, seja sendo assaltado nos bloquinhos. Seja no conforto da sua cama, seja vendo os stories dos seus amigos, desejando estar na folia. Mas te afetou.

A maior comemoração do Brasil (e talvez do mundo) mostra como a gente sabe festejar. Com desfiles de escolas de samba, que são produções gigantescas e arquitetônicas. Com blocos que arrastam, literalmente, multidões pelas ruas do país.

Mas, como toda festa, ela acaba. E, com a quarta-feira de cinzas e fim do carnaval, vem a ressaca.

Mas qual é o seu tipo de ressaca? Pode ser a ressaca física mesmo, de quatro dias entornando bebidas de coloração radioativas. Também pode ser a ressaca moral, de ter feito coisas que você jurou que nunca faria usando a desculpa de que “o que acontece no carnaval, fica no carnaval”. Ou, simplesmente, a tristeza tão comum de final de domingo.  E de saber que, agora, tudo vai voltar a normal.

A rotina vai voltar, apesar de, durante algumas semanas, mais alegres, pela presença remanescente e insistente dos glitters que você jura que nunca passou e não faz ideia de como foi parar no seu corpo e de como, apesar do banho diário, ainda continua ali depois de um mês.

E como eu não poderia terminar esse mini texto sem militar pelo menos uma vez, lá vai: eu espero que você não tenha sido babaca para não respeitas a máxima dos últimos carnavais – o “não é não”. Espero que você tenha respeitado tudo e todos. Espero que você não tenha tido intoxicação alcóolica, tenha tomado água, tenha passado filtro solar. Não tenha jogado lixo na rua, não tenha arrumado briga.

Ou seja, não tenha sido um cuzão, no geral.

No mais, espero que você tenha tido um ótimo carnaval e adquirido experiência para os próximos.

Boa volta para a rotina e feliz ano novo. Porque agora ele começou.

You Might Also Like

No Comments

Comente aqui: