Da página ao play

Dom Casmurro: um mergulho nos olhos de Capitu

14 de agosto de 2018

Algumas histórias são contadas através dos anos. Algumas são esquecidas e outras geram dúvidas por anos. Para comprovar essa ideia, venho comentar sobre um clássico de 1899 e que continua presente na vida de muitos estudantes brasileiros. Meu livro e adaptação preferida: Dom Casmurro.

Quando chegamos próximos dos vestibulares, recebemos uma lista de livros obrigatórios e não adianta tentar escapar. Algumas leituras são bem mais complexas que outras. Alguns livros fazem você duvidar se morrer de tédio é possível ou não. Porém, Dom Casmurro conquistou meu coração. Talvez eu deva ser bem específica: Capitu conquistou meu coração.

Capitu, isto é, uma criatura mui particular, mais mulher do que eu era homem.

Machado de Assis

Dom Casmurro é uma obra literária escrita por Machado de Assis e considerada um dos grandes romances do estilo realista. A vida de Bento Santiago, narrada por eles mesmo, e uma viagem para as questões que sempre atormentaram ele durante sua vida. Bentinho tem quinze anos e conhece o seu primeiro amor, Capitu, a partir deste momento seguimos um caso amoroso com reviravoltas, dúvidas e ciúme. Que envolve o leitor, apesar da linguagem mais formal.

Perdi a conta de quantos trabalhos fiz sobre o livro e quantas vezes li a mesma história, porém continuei me apegada aos personagens. Alguém deve ter um vídeo meu vestida de Capitu na época do colégio, tenho certeza disso! Apesar de ser uma leitura lenta, com palavras que se perderam daquela época até os dias atuais, a temática é bem atual. Enquanto conhecemos os personagens, mergulhamos na sociedade e costumes da época, consequentemente entendemos que muita coisa mudou. Porém alguns problemas em relacionamentos continuam iguais até hoje.

Dom Casmurro adaptaçãoDom Casmurro é meu clássico preferido, não há dúvidas. Como resultado disso, vejo sua adaptação para minissérie como algo extremamente sutil e puro. Uma produção nacional que honra a história criada por Machado de Assis enquanto auxilia diversos estudantes e encanta espectadores. Uma série com um figurino incrível, cenários realistas e atuações fortes.

Enquanto os personagens tomam vida na televisão, você consegue visualizar todo o contexto criado para o amor de Bentinho e Capitu. As famílias, as casas, os amigos e todo o sentimento contido nas frases do narrador. Com certeza é uma das melhores minisséries que já acompanhei e recomendo sempre que possível. Então caso você esteja nessa fase de vestibular ou apenas gosta muito de histórias que enchem os olhos, assistam Capitu. E mergulhem nos olhos de ressaca que a personagem tem.

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply Eva Camargo 14 de agosto de 2018 at 21:52

    Dom Casmurro também é meu clássico favorito. Amo Machado de Assis e tenho um livro só dele <3
    Eu acho incrível a ambiguidade com que o autor consegue levar a história e mesmo quando ele quer demonstrar algo, ele o faz de forma subentendida. É LIN-DO de se ler hahaha
    Eu ainda nao assisti a minissérie, acredita? Um pecado praticamente! Só vi muitas cenas é sempre fico encantada, mas nunca assisto.
    Pretendo ver logo após essa indicação. Amei o post.

    Com Amor, Eva.
    amavelgirassol.blogspot.com

    • Reply Camila Pellicer 15 de agosto de 2018 at 21:48

      Oi Eva!
      A ambientação da minissérie é a coisa mais linda!
      Percebi que você ama Dom Casmurro tanto quanto eu, então a indicação vai super te agradar.
      Adorei seu comentário! Volte sempre!

    Comente aqui: