Popcorn

Switched at Birth: uma série sobre problemas reais

18 de fevereiro de 2013
Foto de divulgação de Switched at birth

Categoria: Seriado;
Gênero: Drama;
Duração dos episódios: 42 min;
Roteiro: Lizzy Weiss;
Sinopse: Bay Kennish (Vanessa Marano) e Daphne Vasquez (Katie Leclerc) são duas adolescentes que descobrem que foram trocadas acidentalmente no hospital ao nascerem. Bay cresceu em uma família rica, com seus pais e o irmão, enquanto Daphne, que perdeu a audição ainda criança devido a um caso de meningite, mora com a mãe em um bairro pobre. Agora as duas famílias precisam aprender a conviver juntas para o bem das garotas. (AdoroCinema)

Cena de Switched at birth

Sobre Switched at birth:

Switched at Birth é uma série que conta a história de duas meninas trocadas na maternidade. Separadas de suas famílias biológicas, só vão descobrir o erro do hospital na adolescência.  As famílias, que já são apegadas as filhas que criaram, decidem morar juntos em uma casa, para não precisar desfazer a troca.

As famílias são divididas entre os Kennish e Vasquez. Os Kennish são formados por: Bay Kennish, que é uma artista, que se esforça para que os pais de criação deem valor ao seu trabalho. Os Kathryn e John Kennish, uma madame e um jogador de beisebol aposentado. E Toby, músico e irmão de criação da Bay. Os Kennish são ricos e vivem na parte glamorosa da cidade, pois John teve uma carreira de sucesso no beisebol.

A família Vasquez é formada por Daphne, uma adolescente que perdeu a audição devido a meningite que teve na infância. Ela estuda em um colégio especial para surdos, mas se comunica com as pessoas ouvintes através da leitura labial. Sua mãe de criação é Regina, uma cabeleireira que já teve problemas com álcool, e sua avó.  Elas vivem na parte hispânica da cidade. Apesar das enormes diferenças, as famílias vão tentando conviver, para que todos possam conviver com suas filhas biológicas.

Switched at birth trata de temas do dia-a-dia:

A série Switched at birth prende a atenção desde o começo e faz com que a gente fique com vontade de aprender a linguagem de sinais. Adorei esse a abordagem desse tema, surdez, e a profundidade que dão para ele. O roteiro nunca perde a chance de inovar, todos os episódios têm algo novo e surpreendente. A partir do 10º episódio a série atinge uma maturidade maior nos roteiros.

Confesso que fiquei até surpresa o “leque” de opções que esse tema pode abranger e como a série não caiu em uma rotina. O seriado aborda outros temas como o alcoolismo, a arte de rua, traição, abandono paterno… Temas pesados e tão frequentes na sociedade, são expostos nessa série de uma maneira maravilhosa!

Switched at birth é uma mistura de drama, romance e comédia. Tem horas que a dificuldade enfrentada pelos surdos te emociona. Em outros momentos a rebeldia das meninas te irrita, e em outros você dá boas risadas. É um seriado é leve e divertido, nunca se torna ruim ou enjoativo.

 

You Might Also Like

No Comments

Comente aqui: