Being Êrica

Being Êrica: Realizando um combo de sonhos!

31 de janeiro de 2017
realizando-sonhos-1

Projeto base do TCC e do livro <3

2016 foi um ano muito complicado para muita gente e, verdade seja dita, todos nós não víamos a hora de 2017 chegar com força total. Mas para mim, felizmente, 2016 foi um ano maravilhoso quando se trata de realizar sonhos (apesar de todos os contratempos e sufocos). Foi o ano que realizei três sonhos de uma vez: me formar, fazer um projeto de conclusão de curso marcante e escrever um livro.

Finalmente formada!

realizando-sonhos-2

Tcc pronto para ir para a biblioteca da faculdade

Eu sempre quis me graduar. Sei lá, acho que desde criança mesmo. Nunca soube o que ia fazer da vida, mas sempre soube que queria vestir aquelas roupinhas de formatura e sorrir para os meus pais quando eu pegasse o canudo. Até o fim do ensino médio estava certa que ia cursar engenharia civil, no entanto, iniciei jornalismo em 2013 por que meus pais disseram que era um curso que combinava muito comigo e só tive certeza disso quando comecei a cursá-lo. Foi amor a base de convivência, construído com cada trabalho prático, com cada aula dos professores maravilhosos que tive. Lógico, tive meus momentos de surto, de vontade de desistir, de sentir que a profissão não é valorizada. Engoli muito choro, respirei fundo várias vezes e fiz de tudo para continuar.

Escuto histórias de amor:

realizando-sonhos-3

Projeto “Escuto histórias de amor” <3

Se você acompanhou o blog no ano passado deve saber que meu projeto de conclusão de curso foi baseado em histórias de amor reais, que ouvi durante duas semanas em uma intervenção urbana no Porto Velho Shopping. O projeto foi planejado por mim e meu maravilhoso professor, Vinicius Teixeira, e orientado pelos incríveis Marcela Ximenes e Emanuel Jadir. Ao todo ouvi 90 histórias, conheci uma porção de pessoas, fiz amizade com várias delas. Foi marcante para mim, conhecer cada história daquela, entender um pouquinho sobre como o amor funciona para cada um de nós, trabalhar o meu lado humano, sair do jornalismo tradicional, aprender a ouvir, chorar e rir junto de desconhecidos. E foi marcante para várias pessoas também.

Um livro para chamar de meu <3

Capa do livro, desenhada por Guilherme Henrique e finalizada por Paulo Saldanha

Quando 2016 começou eu não fazia idéia de qual seria meu tema de TCC (trabalho de conclusão de curso) e não tinha nenhuma pretensão de escrever meu próprio livro. Mas sabia que, em algum momento da minha vida, eu o escreveria. Sabe quando algo acontece de forma tão surpreendente que nem da para acreditar que é real? Me sinto assim com o “Escuto histórias de amor”. Nele compilei crônicas baseadas em 15 histórias de amor que ouvi durante o projeto. O livro (que por enquanto só existe na versão e-book) leva como título a frase base da intervenção e o desenho da capa está relacionado com os stands onde ouvi as histórias (o balanço do primeiro stand e o arco do segundo). Ainda não tive coragem de divulga-lo, por ter escrito meio na correria de entregar para a avaliação dos professores, por ter vergonha dos meus textos e achar que eles precisam de mil revisões. Mas, caso alguém estiver interessado em lê-lo, manda um e-mail para contato.remenor@gmail.com. Quem sabe eu não topo envia-lo? :)

Família reunida no dia da apresentação final do TCC

Nesse meio tempo, aprendi que esta tudo bem se a gente não sabe o que quer fazer da vida, que isso não pode ser exigido de um bando de jovens de 16, 17 anos. Mas que assim que encontramos nossa paixão, devemos nos esforçar e dar o nosso melhor. Tropeços são naturais do percurso, cabe a nós querer levantar a cabeça e seguir. É importante saber onde quer chegar, mas também é necessário abrir o coração para os caminhos alternativos que a vida nos preparou. Que sonhos são realizados com o tempo e que dependem dos esforços que nos empregamos no percurso.

Hoje estou colando grau, com o coração cheio de alegria e satisfeita ao olhar para trás e encarar o caminho que me trouxe até aqui. Que 2017 seja tão mágico quanto 2016 foi! <3

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply Monique Cristine 1 de fevereiro de 2017 at 00:30

    Que felicidade ler esse post e ver que tudo que quase te deixou maluca em 2016 deu certo e hoje tu tá formada e lindíssima de beca e canudo (stalkeio mesmo!!!)
    Já quero deixar claro que quero ler o seu livro imediatamente! Pode mandar pro meu e-mail que nós pode até ajudar na revisão! Eu tenho certeza de que vou amar ler ele e o sentimento de ler um livro escrito por uma conterrânea vai ser massa demais!
    Só queria passar pra dizer que ressuscitei o meu cantinho e que vou visitar todos os meus amiguinhos do blogroll pra dizer que você continua por lá e que em 2017 a gente cresça cada vez mais!
    P.S. Vamos marcar de fazer algum projeto juntas, mulher! Tá na hora já! Mil beijos pra tu!

  • Comente aqui: