Para amar

Aurélia: dicionário ilustrado de mulheres

5 de dezembro de 2017

Baseado no nome do dicionário mais famoso do Brasil, surgiu em 2015 o Aurélia – dicionário ilustrado de mulheres. Com a proposta de organizar, em ordem alfabética, ilustrações de retratos de mulheres, é um site incrível para que a gente saiba de histórias de mulheres incríveis. Já que, junto com as ilustrações, conhecemos um pouco sobre a biografia dessas mulheres.

De acordo com informações divulgadas no site oficial do projeto, o “ Aurélia, então, se dedica a conferir visibilidade, humanizar, valorizar, inspirar, dar protagonismo, empoderar, desestabilizar estereótipos e convenções de gênero, compartilhar e evocar histórias de mulheres através de ilustrações e sucintas biografias”. O Aurélia é ilustrado pela Cecilia Silveira, doutoranda em Antropologia. E os responsáveis pelos textos são: Aline D’Arisbo, Ariadne Catarine, Cícero Oliveira, Fernanda Drummond , Manuela d’Albertas e Yasmin Mahmud.

Continue Reading

Li, Gostei, Resenhei

Cartas de amor aos mortos – Ava Dellaira

4 de dezembro de 2017

Foto do livro Cartas de amor aos mortos

Autora: Ava Dellaira;
Editora: Seguinte;
Páginas: 344;
Sinopse: Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. 

Continue Reading

O Pasquim

Giovanna Vaccaro: Uma das autoras mais novas do país

3 de dezembro de 2017

Aos 17 anos, Giovanna Vaccaro publicou dois livros e participou de quatro antologias. Seu primeiro livro, “Procura-se” foi escrito quando ainda tinha 13 anos e publicado no ano seguinte. Seu segundo livro, “E se…”, fez tanto sucesso quanto o anterior. Atualmente, a autora está lançando uma nova versão de “Procura-se”. De acordo com ela, o livro foi totalmente reescrito. “Tem um novo final, novas cenas, novos personagens, uma história mais bem desenvolvida e a versão do outro personagem na trama”, comentou Giovanna Vaccaro.

Continue Reading

Popcorn

Girlboss: Do nada até o sucesso da Nasty Gal

2 de dezembro de 2017

Categoria: Série;
Gênero: Comédia;
Duração dos episódios: 30 minutos;
Direção: Kay Cannon;
Sinopse: Baseada no best-seller autobiográfico de Sophia Amoruso, fundadora da famosa marca de roupas on-line Nasty Gal, a trama contará a história de Sophia (Britt Robertson), uma jovem com ideais anarquistas que se recusa a entrar para a vida adulta e conseguir “um emprego de verdade”. Após topar com sua paixão de vender roupas vintage na internet, Sophia se torna uma improvável dona de empresa ao ver o seu pequeno site crescer. (Filmow) Continue Reading

Jukebox

Trilha sonora: Younger

1 de dezembro de 2017

Younger é uma série de comédia, do canal TV Land, baseada no livro de Pamela Redmond Satran. De tão aclamada pela crítica, já está na quarta temporada em apenas dois anos. Younger conta a história de Liza Miller, uma mulher que largou o emprego ainda nova, para cuidar da filha. Quando seu casamento fracassa e a filha se muda, ela precisa retornar ao mercado de trabalho para sobreviver. Porém, seus anos sem experiência e o fato de já passar dos 40 anos vão complicar a sua procura por emprego. Com a ajuda de sua amiga Maggie, Liza faz uma transformação para agir como se tivesse 26 anos novamente. Se você quiser ler a resenha, clique aqui.

A série conta com um figurino lindo, um roteiro ótimo, personagens cativantes e uma playlist cheia de bandas indies. Para apresentar um pouquinho dessa trilha sonora incrível, separei 10 músicas de cada uma das temporadas para montar a playlist de hoje. Ouça:

Continue Reading

Rédestaca

As 3 melhores coisas de Novembro!

30 de novembro de 2017

O mês de novembro foi incrível por aqui, e aí, como foi? Mas, demorou demais para passar e achei que dezembro nunca ia chegar. Tivemos muitas surpresas boas com o blog e nas nossas vidas pessoais. Inclusive, estamos de colunista nova. A Jul está chegando para encher o blog de amor e fotos lindas, porém o resultado vocês vão poder conferir só ano que vem, beleza?

Agora, vem ler sobre as nossas 3 coisas de novembro favoritas, que tem muita indicação boa por aqui:

Continue Reading

Favoritando

8 séries sobre amizade verdadeira

29 de novembro de 2017

Quando o assunto é amizade verdadeira, a gente já cria uma lista mental de todos os grupos marcantes das séries e do cinema. Como Harry, Hermione e Rony; Ted Mosby e todo o seu grupo; O quarteto inesquecível de Sex and the City; e por aí vai. São amizades tão fortes, que a gente chega a desejar relações iguais para nossas vidas.

Aproveitando que as férias estão bem aí, separamos 8 séries que mostram a tal amizade verdadeira em diversos gêneros. Que tal aproveitar para convidar seus melhores amigos para maratonar alguma delas ou, quem sabe, todas?

Continue Reading

Li, Gostei, Resenhei

Felicidade Clandestina – Clarice Lispector

27 de novembro de 2017

Foto do livro Felicidade Clandestina
Autor: Clarice Lispector;
Editora: Rocco;
Páginas: 160;
Sinopse: Desde o início, Clarice Lispector recusou a escravidão dos gêneros. Escrevia por fragmentos que depois montava. Escrevia aos arrancos, transcrevendo um ditado interior. As estruturas clássicas não faziam parte desse ditado. Seu olhar passava por cima das regras, quase voraz em sua busca da essência. Este livro bem o demonstra. É composto por contos escritos em épocas diversas da vida de Clarice. E por não-contos. Muitos deles – como Felicidade clandestina, que dá título ao livro – foram publicados no Caderno B do Jornal do Brasil. Como crônicas. Que também não eram crônicas.

Convidada em 1967 para escrever semanalmente no JB, Clarice deparou-se com um fazer literário novo. Intimidade a princípio, logo negou os padrões vigentes: “Vamos falar a verdade: isto aqui não é crônica coisa nenhuma. Isto é apenas. Não entra em gêneros. Gêneros não me interessam mais”. E “isto” era a mais pura e rica literatura. (Skoob)

Continue Reading

Tapa Virtual

Aline & Eu: Um tapa no preconceito

26 de novembro de 2017

Há três anos atrás, eu me apaixonei. Acho que já citei isso em alguns textos anteriores, mas existem detalhes importantes que desejo compartilhar. É, de longe, o relacionamento mais diferente do que eu esperava e também o mais sério. Algumas pessoas estão destinadas a se encontrarem e isso acontece, cedo ou tarde. Mas existem relacionamentos que sofrem mais para acontecer por causa de preconceito, mas nada segura o amor verdadeiro. Há três anos atrás, eu me apaixonei pela Aline. E esse texto vai falar sobre tudo que enfrentamos desde aquele dia. Continue Reading