Li, Gostei, Resenhei

Como ter uma vida normal sendo louca – Jana Rosa e Camila Fremder

4 de julho de 2016

Como ter uma vida normal sendo louca

Livro: Como ter uma vida normal sendo louca;
Autor: Jana Rosa e Camila Fremder;
Editora: Agir;
Páginas: 208;
Sinopse: Em Como ter uma vida normal sendo louca: a autoajuda definitiva para todas as mulheres, de todas as idades e em todas as situações, Camila Fremder e Jana Rosa presenteiam as leitoras com dicas sobre as mais diversas situações do dia a dia, desde como se livrar de pessoas chatas em aviões, parecer intelectual, mesmo sem ser, até como dizer a um amigo que ele fede. Além disso, ainda ensina como se comportar na festa do encontro da turma da escola depois de muitos anos passados da formatura. O livro é interessante da primeira à última página e apresenta uma visão muito bem-humorada de situações que poderiam constranger qualquer pessoa. O prefácio é de Gloria Kalil. (Skoob)

e-commerce-like-heart

Como ter uma vida normal sendo louca

Antes de resenhar o livro preciso dizer que não gosto de livros de autoajuda e frequentemente ando bem longe de prateleiras com essa temática. Entretanto, Como ter uma vida normal sendo louca sempre me chamou atenção nas prateleiras, nas estantes de amigas, no feed do skoob. Mas, meu pré-conceito de autoajuda tornava a me atirar longe dele.

Até que uma amiga, Vanessa, trouxe pra mim esse livro, sem motivo aparente algum e disse: – Vou te emprestar, por que você PRECISA ler esse livro. Vindo de uma pessoa tão maravilhosa e com gostos tão semelhantes aos meus, não tive outra escolha a não ser acatar sua sugestão! Ressalto, de antemão, que não me arrependi um segundinho sequer.

Como ter uma vida normal sendo louca

Como ter uma vida normal sendo louca não é um livro de autoajuda comum. Na verdade é uma sátira ao gênero. Com seus ensinamentos malucos, sua escrita leve, ilustrações divertidas e muita irônia, além de ser um ótimo entretenimento, serve para observarmos e refletirmos sobre a sociedade moderna e como agimos em certas situações do cotidiano. 

Os 30 ensinamentos estão divididos em cinco partes, sendo: 1- Respeito, sucesso e superação; 2- Amor e relacionamento; 3- Saúde e bem-estar; 4- Vida profissional e finanças; e 5- Influenciando pessoas. É um livro de clichês, baseados na experiência das autoras. Como estar numa festa de família sendo julgada pelos seus tios por você ter 25 anos e não ter nem um namorado ainda, quem dirá um marido. 

Como ter uma vida normal sendo louca causa gargalhadas em excesso:

Como ter uma vida normal sendo louca

Apesar de abordagens pouco convencionais, beirando realmente a loucura, não é difícil se identificar com vários trechos do livro. Desde dietas malucas, até aquele momento em que você esbarra com um ex e mais parece que você foi atropelada por um caminhão, de tão descabelada e mal arrumada que está. E, justamente por todos esses clichês, nos sentimos representadas em cada página. 

O livro é muito engraçado. O que vai lhe render umas olhadas esquisitas caso você esteja lendo em público e gargalhe alto (passei por isso). Além disso, atende perfeitamente a proposta das autoras. Li alguns comentários no Skoob sobre como o livro é fútil e ofensivo. Em defesa, a proposta do livro é satirizar certos momentos estereotipados da vida. Não é algo que nós necessariamente faríamos. São apenas situações cotidianas em que, as vezes, queremos ter reações extremas. 

Como ter uma vida normal sendo louca

Super recomendo para quem, assim como eu, não curte livros de autoajuda. Para aquele momento em que você quer ler algo divertido e relaxante, como no inicio das férias ou depois de uma ressaca literária. São risadas garantidas, desde que você entenda o proposito do livro. Afasta qualquer bad e é perfeito para dar aquelas horas de gelo no crush que você tanto planeja, já que vai ficar tão distraída que nem vai lembrar de mandar mensagem para elx.

Já leu? Então me conta aí nos comentários qual é o seu ensinamento favorito! 

You Might Also Like

No Comments

Comente aqui: