Rédestaca

As 3 melhores coisas de Novembro!

30 de novembro de 2017

O mês de novembro foi incrível por aqui, e aí, como foi? Mas, demorou demais para passar e achei que dezembro nunca ia chegar. Tivemos muitas surpresas boas com o blog e nas nossas vidas pessoais. Inclusive, estamos de colunista nova. A Jul está chegando para encher o blog de amor e fotos lindas, porém o resultado vocês vão poder conferir só ano que vem, beleza?

Agora, vem ler sobre as nossas 3 coisas de novembro favoritas, que tem muita indicação boa por aqui:

Destaques da Vicky:

De Amor e Trevas

Esses dias eu me deparei com esse filme no Netflix, cujo livro do Amos Ozeu já tinha comprado há alguns anos atrás mas me faltou tempo para ler. Como uma fã da cultura judaica, eu fiquei super animada para saber do que se tratava a história e fui assistindo sem pretensão. O filme é denso, triste mas ao mesmo tempo é uma história de amor com vários elementos culturais e históricos. Ele é dirigido e interpretado por ninguém menos que a Natalie Portman, aquela maravilhosa que atuou em Cisne Negro. De longe foi um dos melhores filmes que eu já vi.

Greenleaf

Eu decidi ver esse seriado final de semana passado porque eu já tinha acabado os meus preferidos e me faltava algo para fazer em momentos de cansaço extremo. Decidi dar uma chance a esse que vivia aparecendo na página principal do meu Netflix, quando eu vi que a Oprah estava envolvida tive certeza que seria no mínimo muito bom. E, realmente, ele tem um enredo que faltava, já que ele trata de temas como adultério, estupro e corrupção dentro de um templo evangélico.

Cisnes Selvagens (livro)

Esse livro é para todos vocês que se interessam/amam a cultura e a história da China. Ele começa no século XX retratando a história da bisavó da autora, com diversos fatos que são de deixar o leitor boquiaberto, um deles que me deixou revoltadíssima foi um antigo ditado chinês: “As mulheres têm cabelos compridos e inteligências curtas”. Tem vários outros momentos em que a autora fala abertamente sobre como as mulheres eram vistas e tratadas, junto com uma abordagem histórica (ela fala sobre o primeiro governo democrático, sobre a invasão japonesa da manchúria, sobre o último imperador, e por aí vai).

Destaques da Jul:

Meu aniversário

Fiz 22! Famoso “dois patinhos na lagoa” que a gente costuma ouvir por aí. Aniversário já teve vários significados ao longo dos anos e dessa vez foi um especial. Minha vida mudou radicalmente de outubro para novembro e me vi crescer como há muito tempo não crescia. Assumi responsabilidades e criei metas. Vejo cada amanhecer como uma oportunidade e cada aniversário uma renovação de ciclo. Espero criar boas memórias.

Friends

Tenho uma condição comigo que é: separar um tempo para me curtir. A questão é que adoro ficar sozinha, mas sempre tenho algum compromisso. A exemplo disso temos minhas noites durante a semana quando tenho curso ou aula da faculdade ou zumba. Sendo assim, Friends entra exatamente no momento em que me curto sozinha, deito no sofá ou na cama, ponho os fones de ouvido acompanhada ou não de pipoca e me permito ficar uma horinha rindo e descansando a mente. Friends é como uma terapia, meu tempo para relaxar já que a série tem um humor simples e várias histórias envolventes.

1Kilo

Desde que me entendo por gente ouço todo tipo de música. Sempre há uma banda ou um tipo de música que se destaca dependendo de como vai minha vida e dessa vez não poderia ser diferente. Já ouvia rap nacional há muito tempo mas encontrei 1Kilo em outubro num medley de duas meninas no youtube. Amei o medley e fui atrás de ouvir as músicas separadamente. Eis que “Deixe-me ir – 1Kilo” e eu fiquei completamente apaixonada pela letra. Depois disso ouvi a rádio do artista no spotify e todas as músicas que adicionei a minha playlist eram de quem? Isso mesmo. O grupo de rap foi trilha sonora de novembro inteiro, me acompanhou nos melhores momentos e em alguns mais tristonhos também e não sai mais das minhas playlists.

Destaques da Ê:

Adiante – Nevilton

Eu tenho uma relação de amor muito forte por essa banda. Os conheci em 2014, um pouco antes deles tocarem em um festival na minha cidade. Acabei ficando amiga do baterista e baixista, Lobão, e até já resenhei um livro dele por aqui. Mas, fazia um tempão que eu estava esperando para ouvir algo novo deles e finalmente chegou esse dia! Agora no final de Novembro, eles lançaram o álbum “Adiante” e está tão bom quanto todos os outros da banda. Já estou mega viciada e é impossível parar de ouvir. Inclusive, clique aqui para ouvir.

Soda Italiana de Blueberry

Eu já tinha visto soda italiana em vários cafés daqui e morria de curiosidade de beber, porém eu sou meio medrosa para experimentar coisas de comer e beber. Aí, resolvi arriscar, mas diante de todos os sabores recorri a indicação de um dos donos do Com Café. Ele me indicou a de Blueberry e essa é a minha mais nova bebida favorita. É muito bom, sério! Não perca a oportunidade de provar.

Infoparty

Esse foi o ponto alto do mês, com certeza! A Infoparty é um evento de tecnologia organizado pelo Governo de Rondônia, que trouxe vários palestrantes e contou com uma organização incrível. Foi maravilhoso ver algo desse porte, um evento de mais de 40 horas seguidas, sendo feito em Rondônia. Se você quiser saber mais sobre o evento, clique aqui!

Destaques da Mila:

The Sinner

Assim que a Netflix começou a liberar detalhes da trama, eu me senti atraída pela ideia da série. Talvez seja porque eu ando em uma onda de série policiais, mas o que eu encontrei em The Sinner vai muito além dos clichês do gênero. A história segue Cora Tannetti, uma mulher casada e com filho pequeno, que certo dia tem um acesso de fúria e mata um desconhecido com diversas facadas em público. O que todos querem saber é o motivo e é aí que o show da produção começa. O enredo é sensacional! Ele te guia e mostra cada detalhe que aconteceu no passado de Cora até aquele momento decisivo. Contém algumas cenas mais cruas que podem não agradar todo mundo, mas que possuem contexto na história. Devorei os oito episódios em apenas dois dias e quando finalizei tive aquela sensação de que uma bomba explodiu na frente dos meus olhos. The Sinner é uma das melhores séries do gênero lançadas nesse ano, posso apostar nisso.

Thor: Ragnarok

O terceiro filme do Thor fugiu completamente dos seus anteriores e acabou sem uma escolha sensacional. Apostando em um filme mais colorido, com uma trilha sonora impactante e com um destaque para o carisma dos personagens, a Marvel acertou em cheio. Em alguns momentos você vai se perder em uma mistura de Guardiões da Galáxia (o visual é muito parecido) e a música que marcou a Mulher Maravilha (aquele fundinho do trailer que grudou na cabeça). Destaque para a nova amiga do Thor e do Hulk, que completa a equipe com perfeição. Thor: Ragnarok cumpre seu dever e vale o ingresso e a pipoca. Assistam e fiquem surpresos com o novo estilo Marvel.

Coldplay: A Head Full of Dreams Tour

Acho que compramos os ingressos com dois meses (ou mais de antecedência). Ingressos que se esgotaram em apenas 10 minutos e parecia que dia 07 nunca chegava. Mas chegou e tudo parecia um sonho incrível dentro do estádio. Ver uma das minhas bandas preferidas, ouvir milhares de pessoas cantando e pulando ao som de músicas incríveis… é tudo muito surreal. Aquele mar de luzes mudando conforme a música tocava (todo mundo ganhou pulseiras que criaram vida quando a música começou), pular e cantar até a voz falhar… Foi um sonho que virou realidade pra mim. E tudo que eu mais quero é uma data para rever o Coldplay! O melhor show da vida, nunca vou esquecer isso.

Para vocês sentirem um pouquinho do meu amor pela banda, decidi acrescentar uma playlist especial com as músicas que foram tocadas no show. Vocês vão adorar, tenho certeza!

 

You Might Also Like

No Comments

Comente aqui: