Rédestaca

As 3 melhores coisas de Agosto!

31 de agosto de 2017

3 melhores coisas de Agosto

Rédestaca: categoria nova no blog! Todo último dia do mês, cada membro da equipe do blog Ré Menor vai destacar as três melhores coisas que aconteceu no mês. Pode ser ver um filme, visitar alguma cidade, uma loja, um produto. Tanto faz! O importante é indicar para vocês coisas boas e lugares incriveis para conhecer. Sem mais enrolação, vamos as 3 melhores coisas de agosto! 

Destaques da Mila:

Steven Universe

Sabem aqueles desenhos que, em um primeiro momento, parece infantil mas depois se torna algo muito além do que as crianças podem ver? Esse é Steven Universe.  Com abordagens sutis, sobre dilemas da vida e sobre as diversas pessoas que podem compor uma família, posso dizer que Steven vem para quebrar a imagem de que crianças não podem ter contato com certos temas. Desde relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo, até como lidar com a perda de pessoas especiais. O desenho cumpre a função de divertir e abrir os olhos para temas importantes. É impossível não se apaixonar, assista um episódio (são apenas 10 minutos) e se encante com o mundo de Steven e sua família Gem. O amor pelo desenho me rendeu até uma tatuagem nova!

 

Julie e Julia

O filme se passa em 1948. Julia Child (Meryl Streep) é uma americana que vai morar em Paris, por conta do trabalho de seu marido. Para acabar com o tédio, ela se interessa por culinária e começa a apresentar um programa de TV sobre o assunto. 50 anos depois, Julie Powell (Amy Adams) está frustrada com a vida. Quando procura um objetivo, resolve passar um ano cozinhando as 524 receitas do livro de Julia Child. É o meu filme preferido sobre culinária. Posso dizer, com certeza, que ele me empurrou para a profissão que escolhi. Rever ele sempre me dá a sensação de conforto boa e uma vontade incontrolável de sair testando todas as receitas do livro de Julia Child. Tire duas horas para se deliciar com esse filme e não vai se arrepender.

Guilt

A história do seriado Guilt, gira em torno de Grace (Daisy Head). Ela é uma jovem americana imatura que vai estudar na Inglaterra. Sua vida toda sofre uma virada, quando Molly, sua colega de quarto, é brutalmente assassinada. Grace se torna a principal suspeita. Ela é inocente e está sendo julgada pela mídia ou realmente assassinou Molly? É o tipo de série que te faz desconfiar de todo mundo. Ao longo dos dez episódios, fiz diversos palpites sobre culpados do crime e ainda assim tive diversas surpresas no percurso da série. Uma história muito bem construída para uma temporada tão curta, comparada com outras séries do tema. Tire um final de semana e venha palpitar sobre quem tinha mais motivos para matar Molly. Se você já tem um palpite, me conta aí nos comentários, por favor!!!

Destaques da Vicky:

Instituto Inhotim

O Instituto Inhotim fica em Brumadinho-MG. Isso é uns 60 km de distância da capital, Belo Horizonte. É um museu incrível de arte contemporânea, a céu aberto. Eu nunca tinha visto algo tão grande. São 140 hectares (isso é MUITA COISA). Nada como os sonhos de um magnata para tornarem este lugar real! Hahaha Vale super conhecer o espaço, amei.

Monsieur et Madame Adelman

O filme se passa no funeral de um escritor famoso, até o momento em que alguém pede que a viúva conte toda a história dele. Afinal, ela não era a sua musa e companheira desde 1970. Esse foi outro filme que eu gostei muito. Ele percorre décadas do relacionamento entre Sara e Victor. A primeira vista, o longa parece ser centrado no personagem de Victor. Mas, aos pouquinhos, Sara ganha um lugar nos holofotes. O que me chamou atenção, principalmente no final, foi quando certas suposições foram feitas e o espectador fica boquiaberto. Não vou dar spoilers, então vocês vão ter que assistir! 

Paris Pode Esperar

Paris pode esperar conta a história de Anne, uma mulher que está passando por um momento decisivo. Ela é casada há um bom tempo, com um produtor de cinema e durante uma inesperada viagem de carro, com um sócio do marido, algumas mudanças podem acontecer em sua vida. Esse romance/drama me encantou pelo fato dele mostrar muito da cultura da França – gastronomia, costumes e história – de uma maneira divertida e leve.

 

Destaques da Ê:

AJR

AJR é uma banda de indie pop, criada pelos irmãos Adam, Jack, e Ryan Met. O som produzido por eles tem bastante influência do doo-wop, do pop, da música eletrônica e do dubstep. Eu estou muito apaixonada por essa banda desde que ouvi Sober up pela primeira vez. Inclusive, essa semana teve post sobre eles. Se você quiser saber mais e ouvir a playlist completa, clique aqui.

1night

One night se passa em uma noite de baile de formatura. A trama acompanha o desenrolar de um romance entre um casal adolescente e as brigas de um casal que está tentando salvar o casamento. Já vi esse filme três vezes só esse mês. Sério, você PRECISA assistir. É um filme leve, gostoso e com uma trilha sonora ótima. Tem resenha aqui!

Blog

Definitivamente, a melhor coisa de agosto foi voltar com o blog. E, não só voltar, mas postar TODOS OS DIAS. Estou muito feliz com a atual equipe do Ré e nunca tinha conseguido me dedicar assim. São 5 anos de blog, mas essa é a primeira vez que penso no blog o tempo inteiro, que fico feliz com cada conteúdo que vai ao ar. Estou realizada e espero que vocês, leitores, estejam gostando! :3

Gostaram das indicações? Deixa aí nos comentários as que você já conhece e  as que você ficou com vontade de conhecer.  

You Might Also Like

No Comments

Comente aqui: